Viagens | Parada obrigatória para surfistas, skatistas ou, simplesmente, amantes de praia!

Na minha última viagem, meu namorado me deu uma missão que pareceu ser impossível até dar de cara com uma imensa Ron Jon Surf Shop que, diga-se de passagem, deve  ser passagem obrigatória para todos os amantes do surf, do skate e da praia.

Post | Ron Jon Surf Shop (Teste #1)

Para quem não sabe, a Ron Jon foi fundada em 1959 – faz tempo! – na costa de New Jersey, enquanto Ron DiMenna ainda descobria o surf com pranchas de fibra de vidro e, após algum tempo, seu passatempo se tornou paixão e começou a fabricar pranchas caseiras e, então, eis que nasce a Ron Jon. A primeira Ron Jon Surf Shop foi inaugurada em Long Beach Island, New Jersey, em 1961. Desde então a loja – e marca – não parou de crescer!

Eu e minhas companheiras de viagem – as melhores, diga-se de passagem! – invadimos com tudo a Ron Jon de Orlando que se localiza no número 5.160 da Internacional Drive – uma looonga rua cheia de lojas, restaurantes e, nossos tão amados, Outlets, ou seja, você, com certeza, passará por ela! –. A loja de Orlando é bem grande e vende mil e uma coisas.. Johns de várias marcas e tamanhos, uma seleção incrível de skates já montados e de peças avulsas, roupas, claro, das marcas mais famosas de surf, fones de mil e um modelos da SkullCandy e mais tudo que qualquer surfista, skatista ou, simplesmente, amante de praia precisa!

Post | Ron Jon Surf Shop (Teste #2)

A arquitetura da loja de Orlando cria uma bela praia com direito a uma réplica de um Ford Woody de 1934, uma prancha da Ron Jon de 1960, areia do mar e, como não podia faltar, pinturas de ondas perfeitas.. Tudo isso para deixar a loja com aparência de ilha e, claro, para deixar seus visitantes se “sentirem em casa”!

É possível encontrar lojas da Ron Jon em vários outros lugares como em Cocoa Beach na Florida – aqui, ouvi dizer, que a loja é e-nor-me e fica aperta 24/7 –, Maryland, Carolina do Sul, New Jersey, Las Vegas, CozumelMéxico e por aí vai..

No final das contas o que era pra ser apenas um lugar para solucionar a missão de comprar o john do boyfriend, se tornou um lugar de boas compras incluindo o meu novo amor: um Carver, mas isso será assunto de outro post!

Beijos, Dani Germano!

Anúncios

Franjas que, dessa vez, farão nossos pés!

Alguém já ouviu falar no estilo Folk? Pois bem, esse nome “Folk” tem origem inglesa e quer dizer folclore, mistura de povos. Logo de cara, já dá para entender que se trata de um estilo bem eclético que faz uma mistura dos estilos indígena, hippies, gipsy e country.. Ufa! Em resumo, o estilo é marcado pelos tecidos naturais, leves e manuais como o crochê, tricô e macramê. As estampas se fazem presente com variações florais, desenhos geométricos, egípcios e xadrez, sem deixar de lado as – ainda tão em alta – estampas de bichos. Peças chaves? Saias, vestidos, coletes, jeans, lenços, franjas, tranças e acessórios indianos com penas.

Montagem - Teste

O estilo folk tem aparecido bastante nos sites de streetstyle mundo cybernético afora e, com isso, fica possível, além de se inspirar, perceber que o representante maior em termo de sapatos são as botas e, como já era de se esperar, o folk, super em alta, inseriu franjas, franjas e mais franjas.. Dessa vez, nos nossos pés!

Todo mundo já está cansado de saber que as franjas têm o poder de dar personalidade e quebrar a seriedade dos looks com um charme único e, atualmente, adicionadas às nossas fiéis escudeiras em dias cinzas e chuvosos, as botas sem salto, se tornaram quase um item obrigatório para o próximo inverno. Acredite, o detalhe está tão em alta que você, mais cedo ou mais tarde, vai acabar aderindo!

Montagem - All Star - Teste 02

Eu já aderi a essa tendência e comprei minha “botinha indian– posso chamar assim?! – na Converse no Premium Outlet da Internacional Drive, em Orlando, por um preço bem, bem camarada.. US$20,00, pasmem! Aliás, fica aqui a dica.. Achei o preço da Converse de lá bem bom, mas prestem atenção na numeração.. Eu calço 7,5, mas foi o 6,5 que ficou perfeito!

Montagem - Teste - Sapatos

Além da Converse, a Sollas, a Cantão e a Via Mia já inseriram as franjinhas aos calçados. Esses sapatos transmitem a ideia de movimento que eu adoro!

E aí, vocês também vão aderir?

Beijos, Dani Germano!